Checar a nuvem

Por: Ana Marina Martins de Lima

É isso mesmo, cheque a nuvem, melhor dizendo cheque a lixeira da nuvem.
Na semana passada ao atualizar dados da conta da Microsoft, fui surpreendida quando localizei uma lixeira cheia e resolvi verificar o que tinha, restaurei e para minha surpresa lá estavam 800 fotos referente a eventos.
Há três meses entrei em contato com a Microsoft e dei o alerta, alguém dos Estados Unidos está acessando a minha conta, não sou tão leiga e troco a senha com frequência….enfim pediram para que eu consultar um técnico da minha confiança.
Ocorreram novos acessos, consegui localizar o IP da máquina do invasor, a coincidência o IP é da mesma cidade que fornece o certificado de “segurança” da Microsoft.
Conversei com um amigo da área de TI a orientação comunicar a Microsoft e realizar um boletim de ocorrência; para minha surpresa isso ocorre com frequência com usuários da Microsoft.
Dica a Policia Federal só age em caso de crimes realizados contra a União para pessoa física é necessário realizar boletim em uma Delegacia da Polícia Civil.
Se você utiliza os serviços da Microsoft verifique o ONE Drive.

Espaço para sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s