Ranking com as 28 melhores práticas socioambientais do País são apresentadas pelo Programa Benchmarking Brasil

Itaipu, Cargill e Triunfo-Transbrasiliana foram os primeiros colocados

Por: Regina Jorge * Instituto Mais

Editado por: Ana Marina Martins de Lima * Ambiente do meio

Em 13 edições já realizadas, o Programa Benchmarking Brasil se consolidou como um dos mais respeitados Selos de Sustentabilidade do país. Com uma metodologia estruturada, reconhecida pela ABNT, e participação de especialistas de vários países, o Ranking Benchmarking define e reconhece os detentores das melhores práticas de sustentabilidade do Brasil.
O objetivo é divulgar Exemplos que educam e Práticas que transformam. Ao todo, o Programa já reconheceu 339 casos de boas práticas de sustentabilidade, 36 projetos de inovações verdes, além das obras artísticas e homenagens a pessoas que fazem a diferença nessa área.
O programa, além do Ranking congrega outras ações de fomento a sustentabilidade como publicações, banco digital de livre acesso, encontros técnicos, feiras e congressos, entre outros. Além de incentivar a busca da melhoria contínua e a adoção das boas práticas nas organizações, o Programa Benchmarking Brasil contribuiu ao longo destes 12 anos de forma efetiva com a construção de massa crítica em sustentabilidade no país.
Em 2013, Benchmarking Brasil foi o grande vencedor (1º colocado) na categoria Humanidades do Prêmio von Martius de Sustentabilidade da Câmara de Comércio Brasil Alemanha.
Inovações, preservação ambiental, desenvolvimento sustentável é o que reúne o Programa Benchmarking Brasil que chega à sua 13a edição e divulga o ranking 2015 com as melhores práticas socioambientais do País. Os três primeiros colocados foram Itaipu Binacional (PR), Cargill e Triunfo-Transbrasiliana com os respectivos cases Mais Peixes em Nossas Águas, Pomarola Mais Sustentável e Multiplicadores em Educação Ambiental. Outras 25 organizações foram certificadas pelo Programa este ano, considerado o mais importante selo socioambiental do País justamente o pelo seu formato inovador com que mobiliza a massa crítica do setor e contribui para o avanço da sustentabilidade. Todas as empresas submeteram seus cases para avaliação de 16 especialistas de seis diferentes países segundo a metodologia “Benchmarking”, reconhecida pela ABNT e já são referências pela inovação e qualidade de suas práticas.
Essa edição recebeu 58 inscrições de organizações de vários ramos e portes, localizadas em todo território nacional. Os 28 cases reconhecidos este ano passam a integrar o maior banco digital de práticas de sustentabilidade certificadas e com livre acesso do país, e também são publicados em livros e revistas especializadas e de gestão, além de serem apresentados em encontros técnicos. “Apesar de existirmos há mais de uma década, são poucas as organizações que conseguem passar pelo crivo do Programa Benchmarking Brasil e obter nota suficiente para ter seu case certificado”, diz Marilena Lavorato, idealizadora da iniciativa. “Benchmarking Brasil é um contraponto ao green washing, e a organização que participa comprova sua coerência (e excelência)”, encerra.

Conhecendo melhor os três primeiros colocados

3 primeiros colocados ranking Benchmarking2015 - Foto divulgação
3 primeiros colocados ranking Benchmarking2015 –
Foto divulgação

O primeiro colocado do ranking foi a Itaipu Binacional com o projeto “Mais Peixes em Nossa Água”. O projeto é desenvolvido desde 2003 e atinge 140 toneladas de peixe produzido pelos pescadores artesanais. Isso representa 10% da produção pesqueira do reservatório em Foz do Iguaçu (PR). “Conseguimos retomar a quantidade de peixes nativos que tínhamos anteriormente no reservatório. O projeto tem como objetivo promover o desenvolvimento socioambiental e a melhoria de renda dos pescadores artesanais em torno da região de Itaipu, por meio do cultivo de peixe em tanque-rede”, comenta Celso Buglione, representante da Itaipu.
A empresa Cargill foi premiada em segundo lugar com o “case” “Pomarola Mais Sustentável”. As ações envolveram todas as etapas da cadeia do molho de tomate, como transporte do tomate para fábrica, ações na fábrica e pós-fábrica, na chegada do produto até o cliente. O conjunto de ações teve um impacto no processo produtivo como a redução de 10 mil toneladas de CO². Isso equivale a toda a frota da cidade do Rio de Janeiro de veículos (dois milhões e 200 mil) rodando um dia inteiro.
Outra inciativa vencedora envolveu a capacitação de professores. Com o projeto “Multiplicadores em Educação Ambiental”, a concessionária rodoviária Triunfo Transbrasiliana capacitou em um curso um grupo de educadores nos municípios de Marília e São José do Rio Preto, interior paulista. Esses professores vão fazer a multiplicação de trabalho de sustentabilidade com seus alunos na rede pública.

Ranking Benchmarking 2015

1º Itaipu Binacional (PR) Mais Peixes em Nossas Águas
2º Cargill Agrícola (SP) Pomarola Mais Sustentável
3º Triunfo-Transbrasiliana (SP) Multiplicadores em Educação Ambiental
4º Abbott (RJ) Compostagem de Resíduos
5º Fundação Alphaville (SP) Programa Jovem Sustentável
6º Ambev (SP) Ação Coletiva para Preservar Água
7º SABESP (SP) Gestão da Escassez de Água
8º ArcelorMittal Tubarão (ES) Plano Diretor de Águas
9º Petrobras (RJ) Gestão Energética Predial
10º Dana (RS) A Reciclagem de Borracha na Dana
11º Casa da Moeda do Brasil (RJ) Restauração Florestal da CMB
12º AVON (SP) Out of The Box
13º Instituto Embratel Claro (RJ) TICs e Turma do Sítio/FUNSAG
14º Alumar (MA) Fontes de Energia de Sucesso
15º Empresa Suape (PE) Projeto Pedagogia Ambiental
16º Renova Energia (BA) Museu do Alto Sertão da Bahia
17º Aurora Alimentos (SC) Programa Amigo Energia
18º Subprefeitura Itaim Paulista (SP) Ação Integrada
19º CHESF (PE) Impressão Verde
20º CEMIG (MG) Sistema Siságua Cemig
21º Bauducco (SP) Projeto Aterro Zero
22º Braskem (BA) Sustentabilidade em TI
23º KINROSS Paracatu (MG) Curvas de Nível Verde para RAD
24º Precon Engenharia (MG) Solução Habitacional Precon
25º Samarco Mineração (ES) Gestão Adequada de Resíduos
26º Brasilprev (SP) Projetos de Vida na Ponta do Lápis
27º Shahini Ambiental (SP) Sustentabilidade na Escola
28º Instituto do Câncer (SP) Descarte de Medicamentos

Espaço para sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s