Emissão de gases por navios mata 60 mil ao ano

 

Por Lindsay Beck – Fonte UOL

A emissão de poluentes provocada por navios oceânicos é responsável por cerca de 60 mil mortes ao ano decorrentes de doenças do coração e câncer de pulmão, afirmou um estudo divulgado na quarta-feira e que pede por medidas mais rígidas quanto ao controle dos combustíveis.

Os portos de Xangai, Cingapura e Hong Kong, três dos mais movimentados do mundo, devem sofrer um grande impacto devido às emissões vindas dos navios, afirmou o estudo, publicado pela “Environmental Science and Technology”, uma revista da Sociedade Norte-americana de Química.

“Durante um longo período de tempo, houve essa percepção de que as emissões vindas dos navios ficam lá nos oceanos e que não estão afetando ninguém em terra. Acho que este estudo mostra que essa idéia é totalmente falsa”, disse David Marshall, conselheiro da Força-Tarefa Ar Limpo, de Boston, um dos que encomendaram o estudo.

Segundo os cientistas, o fato de a navegação ocorrer em alto-mar –longe das populações que poderiam perceber o impacto dessas emissões– era um dos motivos pelos quais o controle sobre os combustíveis para embarcações não tem os mesmos padrões do controle sobre os voltados a veículos automotores.

Mas as emissões de enxofre realizadas pelos navios oceânicos representam cerca de 8 por cento do total de emissões de enxofre advinda da queima de combustíveis fósseis, afirmou James Corbett, um dos autores do estudo.

A maior parte das embarcações usa o chamado “bunker fuel” (combustível de navio), que é mais barato do que o óleo processado, mas também mais poluente.

“O processo de conclusão de um tratado internacional junto à IMO (Organização Marítima Internacional) é um processo lento por meio do qual se busca o consenso e não um processo em que as autoridades reguladoras podem fixar padrões que o setor precisa observar”, disse Corbett.

O número de mortes prematuras decorrentes das emissões provocadas pelos navios pode aumentar 40 por cento nos próximos cinco anos por causa da intensificação do tráfego de embarcações, afirmou.

A adoção de petróleo processado poderia diminuir a taxa de mortalidade decorrente dessas emissões, mas também poderia significar um aumento dos custos no setor.

 

Um comentário em “Emissão de gases por navios mata 60 mil ao ano

Os comentários estão encerrados.