Seminário Internacional “13 anos do BRASIL na MINUSTAH: Lições aprendidas e novas perspectivas”

seminario_haiti

Editado Por Ana Marina Martins de Lima *Com informações de: ONUBr e Marinha do Brasil

ONU e Marinha promovem evento no Rio sobre participação brasileira na MINUSTAH

A Marinha do Brasil, o Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio) e outras instituições promovem nos dias 28 e 29 de novembro no Rio de Janeiro evento para analisar os 13 anos de participação brasileira na Missão da ONU para Estabilização do Haiti (MINUSTAH).

Entre os palestrantes, estarão presentes o ministro da Defesa, Raul Jungmann; o subsecretário-geral da ONU para Operações de Paz, Jean-Pierre Lacroix; e autoridades nacionais e internacionais.

O evento é promovido pelo Ministério da Defesa, por meio da Marinha do Brasil, em parceria com as Nações Unidas, a Academia Brasileira de Letras (ABL) e a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RIO).

O seminário será realizado na Escola de Operações de Paz de Caráter Naval, no Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (CIASC), na Ilha do Governador.

General Ajax Porto Pinheiro
General Ajax Porto Pinheiro em Porto Príncipe, no Haiti. Foto: MINUSTAH/Igor Rugwiza

MINUSTAH e o comando brasileiro: MINUSTAH é a sigla em francês que se refere à Missão criada em 30 de abril de 2004 pela Resolução 1542 do Conselho de Segurança da ONU, e implementada efetivamente em 1º de junho do mesmo ano. A Missão foi criada para suceder de maneira mais estruturada a Força Multinacional Interina, estabelecida apenas dois meses antes (26/02/2004) pela Resolução 1529.

A Missão foi autorizada a mobilizar no Haiti até 6.700 militares, 1.622 policiais, 550 funcionários civis internacionais, 150 voluntários das Nações Unidas e cerca de 1 mil funcionários civis locais.

Desde sua implementação, a MINUSTAH tem seu braço militar sob o comando do Brasil no trabalho para colocar fim à violência e à instabilidade política no Haiti.

No total, 37.500 militares brasileiros — sendo 213 mulheres — atuaram no Haiti, possibilitando que o país testasse equipamentos militares em condições operacionais reais, uma experiência concreta para toda uma geração de soldados.

Além do contingente brasileiro, integraram a MINUSTAH militares de Japão, Chile, Nepal, Jordânia, Uruguai, Paraguai, Coreia do Sul, Sri Lanka, Argentina, Bolívia, Guatemala, Peru, Filipinas e Equador. Canadá, Estados Unidos e França prestaram apoio estrutural.

Programação

 1ºDIA – 28NOV

07h30/08h30   Credenciamento

9h/9h15   Abertura: Almirante de Esquadra EDUARDO BACELLAR LEAL FERREIRA – Comandante da Marinha

9h15/9h45 Palestra de Honra: RAUL BELENS JUNGMANN PINTO – Ministro da Defesa

 9h45/10h15   Palestra de Honra: JEAN PIERRE LACROIX – Under-Secretary-General for Peacekeeping Operations (ONU)

10h15/10h30   Intervalo

10h30/12h   Painel 1 – Os Primeiros Desafios – O Planejamento e o Início da Missão Coordenador: Almirante de Esquadra (FN) ALVARO AUGUSTO DIAS MONTEIRO – Presidente do Conselho de Estudos Político-Estratégicos da Marinha (CEPE/MB) Palestrantes: – Embaixador JOSÉ VIEGAS FILHO (antigo Ministro da Defesa à época do início da MINUSTAH) – Almirante de Esquadra ILQUES BARBOSA JUNIOR – Chefe do Estado-Maior da Armada (Representante da Marinha no planejamento conjunto inicial da MINUSTAH) – General de Exército AUGUSTO HELENO RIBEIRO PEREIRA (Primeiro Force Commander MINUSTAH) – Prof. Dr. ANTONIO JORGE RAMALHO DA ROCHA – Secretário Executivo da Escola Sulamericana de Defesa (ESUDE)

12h/13h15   Almoço

13h15/14h45  Painel 2 – O Brasil e as Operações de Paz antes da MINUSTAH Coordenador: Prof.Dr. DANILO MARCONDES DE SOUZA NETO – Escola Superior de Guerra / AMAZUL Palestrantes: – Almirante de Esquadra BENTO COSTA LIMA LEITE DE ALBUQUERQUE JUNIOR – Diretor-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha (antigo integrante da UNPROFOR) – Prof. Dr. JOSÉ MURILO DE CARVALHO – Academia Brasileira de Letras – Prof. Dra. NORMA BREDA DOS SANTOS – Universidade de Brasília – Prof. Dra. EDUARDA PASSARELLI HAMANN – Instituto Igarapé

14h45/16h15   Painel 3 – A MINUSTAH e os desafios humanitários Coordenador: Prof. Dra. SABRINA MEDEIROS – Escola de Guerra Naval Palestrantes: – Embaixador IGOR KIPMAN (antigo Embaixador do Brasil no Haiti) – General de Divisão FLORIANO PEIXOTO VIEIRA NETO (antigo Force Commander MINUSTAH) – Prof.Dr. RICARDO OLIVEIRA DOS SANTOS – PUC-Rio – Prof. SIMONE ROCHA – PUC-Rio e Conselho Administrativo Médicos Sem Fronteiras

16h15/16h30   Intervalo

16h30/18h   Painel 4 – A MINUSTAH e a questão do uso da Força Coordenador: Prof. Dr. KAI MICHAEL KENKEL – PUC-Rio Palestrantes: – General de Divisão ANDRÉ LUIS NOVAES MIRANDA – Diretor de Educação Superior Militar – Exército Brasileiro (antigo integrante do contingente brasileiro MINUSTAH) – Contra-Almirante (FN) CARLOS CHAGAS VIANNA BRAGA – Comandante do Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (Assistente do Primeiro Force Commander MINUSTAH) – Prof. Dr. CONOR FOLEY – PUC-Rio – Prof. Dra. MAÍRA SÍMAN GOMES – Global South Unit for Mediation (GSUM) e PUC-Rio

2ºDIA – 29NOV

9h00/10h30   Painel 5 – A Logística do Brasil na MINUSTAH Coordenador: Almirante de Esquadra LEONARDO PUNTEL – Chefe de Logística e Mobilização – Ministério da Defesa Palestrantes: – Mr. OLEKSANDR MIRZA – MOVCON Officer/Logistics Support Division (DFS/ONU) – Vice-Almirante (FN) PAULO MARTINO ZUCCARO – Chefe do Departamento do Desporto Militar do Ministério da Defesa (Oficial de Logística do primeiro Contingente Brasileiro MINUSTAH) – General de Divisão LUIZ GUILHERME PAUL CRUZ (antigo Force Commander MINUSTAH) – Representante da Força Aérea Brasileira (a ser indicado)

10h30/10h45   Intervalo

10h45/12h15  Painel 6 – O Preparo para as Operações de Paz Contemporâneas Coordenador: Contra Almirante ANTONIO RUY DE ALMEIDA SILVA – Escola Superior de Guerra Palestrantes: – General de Divisão (Uruguai) CARLOS HUMBERTO LOITEY – Military Advisor (DPKO/ONU) – Contra-Almirante (FN) RENATO RANGEL FERREIRA – Comandante do Material de Fuzileiros Navais (antigo Comandante de Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais na MINUSTAH) – Coronel CARLOS AUGUSTO RAMIRES TEIXEIRA – Comandante do CCOPAB/Exército Brasileiro – Prof. Dr. VINICIUS MARIANO DE CARVALHO- King’s College London – Sr. MAURIZIO GIULIANO – Diretor Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC-RIO/ONU)

12h15/12h45   Demonstração 1 – Operações de Paz – Ações no Mar

12h45/14h Almoço

14h/15h15   Demonstração 2 – Operações de Paz – Ações em Terra

15h15/17h15 Mesa 7 – O Brasil e o futuro das Operações de Paz após a MINUSTAH Coordenador: Prof. Dr. DOMICIO PROENÇA FILHO – Presidente da Academia Brasileira de Letras Palestrantes: – Almirante de Esquadra LUIZ HENRIQUE CAROLI – Diretor-Geral do Material da Marinha (Primeiro Comandante brasileiro da Força Tarefa Marítima UNIFIL) – Embaixadora MARIA LUISA ESCOREL DE MORAES – Diretora do Departamento de Organismos Internacionais – Ministério das Relações Exteriores – General de Divisão AJAX PORTO PINHEIRO (último Force Commander MINUSTAH) – Contra-Almirante (FN) ROGÉRIO RAMOS LAGE – Subchefe de Operações de Paz – Ministério da Defesa – Dr. JOHN KARLSRUD – Norwegian Institute of International Affairs (NUPI) – Jornalista MERVAL PEREIRA FILHO – Academia Brasileira de Letras

17h15/17h45   Palestra de Honra – Dr. HUSSEIN ALI KALOUT – Secretário de Assuntos Estratégicos

17h45/18h   Encerramento

18h   Confraternização

Informações em:  http://www.semhaiti13.defesa.mil.br

 

Espaço para sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s