Tamar abre 36 vagas para voluntários

em

Por: ASCOM/ICMBIO

O Centro Nacional de Pesquisa e Conservação das Tartarugas Marinhas e Biodiversidade Marinha do Leste (Centro Tamar), do ICMBio, está com inscrições abertas, de 22 a 29 de abril, para seleção de 36 voluntários. As oportunidades são para atuar na sede do Tamar (1 vaga), em Vitória, no Espírito Santo, e na Base do Tamar em Guriri-São Mateus (35 vagas). Todos os interessados devem preencher a ficha de cadastro como voluntário aqui e aderir à Chamada/Edital aberto do Centro Tamar. O resultado será divulgado dia 30/04/2019, com início das atividades previsto para 01/05/2019.

A chamada tem validade de 1 ano (de 1/5/2019 a 30/4/2020) com carga horária mínima de 15 horas semanais (3h/dia) para a sede do Tamar em Vitória, e de 16 horas mensais para a Base do Tamar de Guriri, São Mateus. Quem ocupar a única vaga prevista para a sede em Vitória, irá apoiar administrativamente a Coordenação da Câmara Técnica de Conservação da Biodiversidade (CT-BIO/CIF) no exercício das atribuições previstas no Regimento Único das Câmaras Técnicas do Comitê Interfederativo, além de dar apoio em procedimentos administrativos relacionados a recebimento, registro e envio de documentos de competência da CT-BIO/CIF.

Já os candidatos que concorrem às 35 vagas do Tamar Guriri, auxiliarão no planejamento, organização e execução de eventos periódicos de visitação, educação ambiental, sensibilização e interface com o público, dentro e fora da Base do Centro, entre outras atividades. Os candidatos para a vaga da sede devem estar cursando algum curso das Ciências Naturais (Biologia, Ecologia ou Oceanografia). Já os candidatos da Base do Tamar de Guriri podem possuir formação livre, com escolaridade de nível médio ou superior.

Para as vagas da Base do Tamar em Guriri, São Mateus, os candidatos devem preencher no mínimo um dos pré-requisitos: a) ter participado de alguma capacitação na Base do Centro Tamar de Guriri nos últimos dois anos, que não seja dentro do programa de Voluntariado do ICMBio; b) ter participado do programa de Voluntariado do ICMBio na Base do Centro Tamar de Guriri nos últimos dois anos – neste caso, se a pessoa foi voluntário, é necessário que ela tenha uma porcentagem de participação igual ou superior a 20% nas atividades do último Termo de Adesão ao serviço voluntariado do ICMBio ou ter experiência técnica em produção de materiais artesanais, que contribua para a capacitação de pessoal na Base do Tamar de Guriri.

O objetivo do Programa Voluntariado no Tamar é incentivar a participação da sociedade na gestão, manejo e conservação das tartarugas marinhas que ocorrem no litoral brasileiro, entre outros. O voluntário não recebe remuneração por parte do ICMBio, sendo a prestação dos serviços formalizada por meio de um Termo de Adesão ao Serviço Voluntário e de um Plano de Trabalho que define as atividades nas quais o voluntário irá auxiliar no Tamar.

Mais informações em: http://www.icmbio.gov.br/portal/sejaumvoluntario

Qual sua opinião sobre este tema?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s